12 de agosto de 2012

Pesquisa IBOPE para prefeito de Macapá

Segundo lugar revela empate técnico, diz analista sobre pesquisa

O Ibope divulgou na última sexta feira, 10, o resultado da primeira pesquisa de intenção de votos à Prefeitura de Macapá. Foram consultadas 602 pessoas entre 7 e 9 de agosto.

Os números apontaram o candidato à reeleição Roberto Góes (PDT) na frente, com 29%. Já Cristina Almeida (PSB) e Clécio Luis (Psol) aparecem tecnicamente empatados com 16% e 13%, respectivamente. A margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos.

De acordo com o analista consultado pelo DA, Adrimauro Gemaque, do quadro técnico do IBGE no Amapá, o percentual de erro é considerado alto, quando o ideal seria 3%. "Em função dessa margem de erro que a pesquisa utilizou, podemos considerar que não existe um segundo colocado. E sim dois ‘segundo’ lugares, que nesse caso é Cristina e Clécio. Isto é, estão tecnicamente empatados", disse.

Para o analista, o percentual de 17% de votos brancos e nulos também é elevado. “Esse percentual pode ser entendido como um sinal de protesto do eleitorado em descrédito aos políticos brasileiros, fortalecido pelo julgamento do mensalão e, no caso do Amapá, em função de recentes episódios com indícios de corrupção envolvendo o dinheiro público”, conclui Adrimauro.

Percentual entre aqueles que não souberam ou não opinaram ficou em 13%, pelos números do Ibope.

Rejeição
Em relação à rejeição, o atual prefeito Roberto Góes (PDT) teve o mesmo percentual das intenções de votos (29%), só ficando atrás de Cristina Almeida (35% ) e à frente de Clécio (16%), Milhomem (16%), Davi (13%), Genival (10%) e Marco Antônio (9%).

O interessante, no ver de Gemaque, “é que Góes possui o mesmo percentual na rejeição e intenção de votos. Caso atípico. Mas uma próxima pesquisa pode mostrar melhor esse quadro, porque se Cristina tem 35% de rejeição e está tecnicamente empatada com Clécio, o segundo tende a crescer bastante", disse.

Rádio e televisão
S egundo o analista, com o início da propaganda eleitoral gratuita, no rádio e televisão, terça, 21, a segunda pesquisa terá resultados diferentes, porque somando os brancos e nulos com os eleitores que não souberam ou não opinaram, o percentual é de 30%.

"Quando começar o horário eleitoral, na mídia, esse quadro tende a mudar consideravelmente, porque o eleitor terá a oportunidade de saber quem é o candidato e conhecer melhor suas propostas de governo. Agora a tendência é o candidato hoje na frente não crescer mais por conta dessas variáveis", ponderou Gemaque.

PESQUISA ESTIMULADA PARA PREFEITURA DE MACAPÁ

ROBERTO GÓES (PDT)
29%

CRISTINA ALMEIDA (PSB) 16%

CLÉCIO LUÍS (PSOL) 13%

DAVI ALCOLUMBRE (DEM) 7%

MARCO ANTÔNIO (PSDB) 3%

GENIVAL CRUZ (PSTU) 1%

EVANDRO MILHOMEN (PCdoB) 1%


(Diário do Amapá) 
 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário